5 dicas para montar um currículo sem experiência

Tempo de leitura: 6 minutos

Quando surge o momento de procurar o primeiro emprego, muitos jovens se questionam: “Como conseguir uma oportunidade de trabalho sem ter experiência profissional?” Se você está passando por esse dilema, relaxe! Nem sempre é fácil conseguir um emprego sem bagagem profissional, mas ingressar no mercado de trabalho pode ser muito mais fácil por meio de um bom currículo.

Pensando em ajudá-lo nesse importante momento da sua vida, hoje selecionamos 5 dicas para montar um currículo sem experiência profissional. Com elas, você certamente estará preparado para abrir as primeiras portas da sua carreira. Confira!

1. Seja verdadeiro ao montar o seu currículo

Sem experiência, fica difícil conseguir um emprego, e sem emprego fica ainda mais difícil adquirir experiência. Esse é um dos impasses mais clássicos na busca do primeiro emprego na vida de muitos jovens, e é o que acaba levando algumas pessoas a cometerem um dos piores erros ao montar um currículo: mentir!

Mentir é uma atitude pouco inteligente na hora de elaborar o seu currículo. Por mais que você precise trabalhar, cedo ou tarde você poderá ser descoberto ocultando ou inventando informações, seja durante uma entrevista de emprego ou na realização de exames práticos aplicados por algumas empresas.

Ser honesto, absolutamente sincero e confiar na sua capacidade podem ser características consideradas muito mais importantes para uma empresa do que algumas informações contidas no seu currículo. Comece com o pé direito, seja honesto no seu currículo e evite passar por situações constrangedoras ou ser pego na mentira na busca por um lugar no mercado de trabalho.

2. Destaque o seu objetivo profissional

Sem experiência no mercado de trabalho, pode parecer difícil destacar algum objetivo profissional em seu currículo. Contudo, todos nós possuímos alguma qualidade ou habilidade que pode ser muito bem aproveitada dentro de uma empresa, e esse é o ponto que deve ser explorado ao preencher o campo de objetivos profissionais do seu currículo.

Se você tem facilidade no trato com as pessoas, por exemplo, que tal direcionar o seu objetivo profissional para a área de vendas ou atendimento ao cliente? Ou então, caso você seja um expert com números, mostre à empresa que possui interesse em atuar em áreas que envolvam essa habilidade, como o departamento financeiro.

Além disso, um currículo vago e pouco objetivo deve ser evitado a todo custo. Evite mencionar expressões do tipo “sou uma pessoa criativa” ou “sou curioso”. Fazer com que os outros saibam o que você quer é muito importante.

3. Cite as suas experiências profissionais

Mesmo que você tenha apenas realizado um “bico” em algum comércio da sua cidade, trabalhado em alguma empresa da família ou comercializado produtos de forma autônoma, coloque tudo isso em seu currículo. As empresas consideram essas experiências na hora de avaliar um candidato e estimam pessoas que gostam de desafios, têm força de vontade, são interessadas e sempre dispostas a aprender.  

Mesmo algumas experiências não profissionais ou relacionadas ao mercado informal, como um intercâmbio fora do país e trabalho voluntário, podem e devem ser mencionadas em seu currículo. Além de válidas, essas experiências são muito valorizadas pelas empresas por se tratarem de poderosos diferenciais em relação aos demais candidatos.

Em cada caso, especifique aquilo que desempenhou durante esses períodos ou o que aprendeu, como por exemplo um novo idioma, além de outros detalhes que possam dar ao recrutador uma noção melhor das habilidades e conhecimentos que você adquiriu em cada uma das suas experiências.

4. Aponte os cursos que você possui

Já que você não conta com experiência profissional, é necessário mostrar às empresas que existe um diferencial em você e que ele poderá ser utilizado no exercício de suas atribuições, caso seja contratado.

Cursos de informática, idiomas, cursos técnicos, graduação ou quaisquer outros cursos que você já tenha realizado e que sejam pertinentes ao universo profissional poderão se tornar um bom diferencial no seu currículo. Mesmo que você ainda não tenha concluído um curso de graduação, por exemplo, vale mencionar no seu currículo a sua área de estudos e a previsão de término do curso.

Atente-se apenas para não encher o seu currículo com informações desnecessárias, como notas escolares ou premiações de honra ao mérito do ensino médio. Lembre-se que recrutadores de empresas geralmente têm uma pilha enorme de currículos em mãos para analisar, e quanto mais objetivo e sucinto for o seu, mais chances ele terá de chamar a atenção de seu possível empregador.

5. Cuidado com algumas gafes

Na tentativa de suprir a falta de experiência, muitas pessoas costumam inserir em seus currículos informações desnecessárias e em alguns casos prejudiciais para uma seleção de emprego. Veja alguns exemplos e evite-os ao montar o seu currículo:

  • Título: Não é necessário escrever “curriculum vitae” ou “currículo” no topo da página. O recrutador já conhece a natureza do documento;

  • Pretensão salarial: Esse ponto pode ser conversado no momento da entrevista, mas inserir a sua pretensão salarial no corpo do currículo não é recomendado;

  • Dados pessoais: Não existe a necessidade de mencionar números de documentos pessoais, dados do cônjuge ou parentes;

  • Certificados e diplomas: Eles podem acompanhá-lo em uma entrevista, e então, caso o recrutador queira conhecer melhor algum detalhe da sua formação, você pode apresentá-los. Mas a cópia desses documentos não precisa acompanhar o seu currículo;

  • Menos é mais: Mantenha o seu currículo o mais formal possível. Nada de desenhos, fundos coloridos, letras com fontes “exóticas” ou fotografias (exceto se for uma exigência da empresa, no caso das fotos). As empresas ainda preferem um currículo tradicional, sem inovações. 

Evitando essas e outras possíveis gafes, você torna o seu currículo mais profissional, aumentando as chances de ser convocado para um entrevista e ser efetivamente contratado.

Esperamos que com essas dicas simples você consiga otimizar o seu currículo e se dar bem nas entrevistas de emprego. Lembre-se sempre de manter a perseverança, confiança nas suas habilidades e persistir na busca dos seus objetivos que você estará no caminho certo para o sucesso.

Siga-nos também nas redes sociais e fique por dentro de todas as nossas novidades e informações!

Sobre UniBH

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *