5 temas atuais que podem cair no vestibular!

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Estudar Matemática, Física e Biologia é muito importante para quem quer se dar bem no vestibular. Entretanto, é preciso se preparar também para a prova de redação. Ter as regras de pontuação, concordância e flexão verbal na ponta da língua é fundamental. Mas para ter ainda mais chances de tirar uma boa nota, é necessário estar atento também ao que vem acontecendo no Brasil e no mundo.

Assuntos da atualidade são sempre boas pautas paras as provas de redação. Exemplo disso é a prova do Enem de 2015, que abordou a violência contra a mulher. Então, é bom ficar de olho!

Quer saber alguns temas de redação que podem cair nas próximas provas de vestibular? Confira a lista:

O zika vírus e a saúde pública

Muito falado atualmente, o vírus zika é transmitido por mosquitos Aedes, como o Aedes aegypti. A grande controvérsia com relação à doença é sua capacidade de afetar o sistema nervoso central. Em 2015, a infecção pelo vírus foi associada ao desenvolvimento de microcefalia, uma malformação que faz com que bebês nasçam com perímetro da cabeça menor do que o normal. A microcefalia também está associada a dificuldades neurológicas, baixo peso, problemas de fala, audição e visão.

No quesito saúde, também é importante ler sobre o surto de ebola em 2014. A doença é conhecida desde a década de 1970, mas mais recentemente voltou a ser preocupação no mundo todo. Transmitida por um dos vírus mais letais já descobertos, a doença é grave e, na maioria dos casos, leva à morte.

A epidemia de 2014 atingiu países da África Ocidental, como Guiné e Nigéria. O vírus chegou aos EUA após a contaminação de voluntários americanos e deixou o mundo inteiro em estado de alerta. Para tentar erradicar o ebola, os norte-americanos deram início a testes de uma vacina em humanos.

O terrorismo e a crise de refugiados na Europa

Desde a queda das torres gêmeas, em 2001, o terrorismo é um assunto frequente nas provas de vestibular. Mais recentemente, um episódio em Paris deixou 129 mortos e mais de 300 feridos. Os ataques aconteceram em diferentes pontos da capital francesa e foi arquitetado pelo Estado Islâmico, um grupo terrorista derivado da Al Qaeda.

O Estado Islâmico está presente em vários países da Europa e do Oriente Médio. O grupo diz lutar contra os EUA e demais civilizações pautadas na tradição cristã e na cultura ocidental. Os atentados em Paris aconteceram apenas 10 meses após o ataque à redação do jornal francês Charlie Hebdo.

A primavera árabe, o radicalismo do Estado Islâmico e os atentados em Paris agravaram a situação migratória de povos islâmicos. A guerra civil na Síria já havia deslocado milhares de famílias para países como o Líbano e a Turquia. Mas esses países começaram a restringir suas fronteiras para evitar a chegada de mais migrantes. Com isso, os refugiados começaram a se dirigir à Europa, principalmente para Grécia e Itália.

Em 2015, milhares de refugiados desembarcaram em solo europeu e vários deles morreram tentando atravessar o mar aberto em barcos superlotados. Exemplo disso é a foto icônica de um menino sírio encontrado sem vida em uma praia da Turquia.

A crise de refugiados e o terrorismo do Estado Islâmico podem ser abordados na redação para provocar reflexões sobre a instabilidade política no Oriente Médio e as divergências culturais entre ocidente e oriente.

Desastres ambientais e o meio ambiente

Sempre polêmico, o assunto sobre meio ambiente volta e meia aparece nas provas de vestibular. No Brasil, a principal questão sobre o tema é a construção da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará. A obra é iniciativa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal e será a 3ª maior hidrelétrica do mundo.

Especialistas constantemente questionam o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) feito pelo governo e a viabilidade do empreendimento. A discussão sobre Belo Monte pode abarcar várias vertentes sobre os impactos que a usina causará — com relação aos prejuízos ambientais e à remoção de tribos indígenas — e também sobre os benefícios — mais energia para o país e geração de empregos.

Nessa questão ambiental não se pode esquecer do desastre em Mariana (MG). O rompimento de uma barragem de rejeitos de mineração da empresa Samarco em novembro de 2015 causou comoção nacional e internacional. A lama destruiu uma extensa área, matando cerca de 15 pessoas, e desabrigando centenas. Além dos danos materiais, os impactos ambientais dos rejeitos na bacia do Rio Doce e no mar do Espírito Santo foram graves e precisarão de décadas para ser recuperados.

O processo de impeachment de Dilma Rousseff

Muita gente diz não gostar de política porque o assunto é muito complexo, mas se atualizar sobre a política brasileira é necessário para se dar bem no vestibular. O processo de impeachment de Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores (PT), está muito em voga atualmente. Em um cenário de crise política e econômica, Dilma enfrentou adversidades desde o início do seu 2º mandato.

O pedido de impeachment foi feito em dezembro de 2015 sob a alegação de crime de responsabilidade fiscal, chamado popularmente de pedaladas fiscais. A abertura do processo foi votada na Câmara dos Deputados em abril de 2016 com mais de ⅔ de aprovação. No mês seguinte, o rito foi para o Senado que também votou a favor da continuidade. Com isso, Dilma foi afastada do cargo e uma comissão especial foi criada para ouvir testemunhas e colher provas.

Hoje em dia, a presidente afastada aguarda a finalização do processo no Senado. Enquanto isso, o vice-presidente Michel Temer, do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), assumiu o posto de presidente interino. Nesse cenário de instabilidade política, o impeachment é classificado como um golpe de Estado por defensores do mandato da petista e vem sofrendo reviravoltas com vazamentos de áudios de conversas entre parlamentares investigados na operação Lava Jato da Polícia Federal.

Os direitos humanos

Sempre em destaque, o assunto pode ser abordado de várias formas como tema de redação. Pode-se discutir sobre racismo e discriminação social, por crença, ou gênero. Também é importante dar uma olhada nas questões sobre violência contra a mulher e sobre a redução da maioridade penal, que vêm sendo muito discutidos e constantemente ganham as manchetes dos jornais.

Uma temática bastante atual é a questão dos transgêneros, que são pessoas que não se identificam com o sexo biológico com o qual nasceram. O direito a assistência psicológica e ao nome social estão sendo discutidos em diversas esferas sociais e políticas.

No que se refere ao nome social, a principal questão é sobre o projeto de lei que foi aprovado em abril de 2016 permitindo às pessoas transexuais usarem seu nome social em órgãos federais. Entretanto, alguns parlamentares entraram com pedido para revogar o projeto.

Para se preparar bem você pode analisar provas antigas para ver de que forma os temas foram abordados. Também leia jornais, revistas e portais de notícias. Discuta com amigos e familiares sobre os assuntos mais recentes. Estar sempre informado sobre acontecimentos atuais te deixará mais bem preparado para arrasar no vestibular!

Quer ficar ainda mais preparado para a vida de universitário? Baixe o e-book “7 passos para escolher um curso superior”. Aproveite para conhecer as oportunidades oferecidas pelo vestibular do UniBH!

 

Sobre carlos.camara

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *