Como verificar a nota do MEC de cada universidade?

Tempo de leitura: 6 minutos

Decidir o curso para o qual você vai prestar vestibular é uma das definições mais importantes quando se trata de investir na futura carreira. Embora seja apenas o primeiro passo para se alcançar o sucesso, a escolha da universidade pode influenciar diretamente nos seus resultados profissionais.

Nem toda universidade possui estrutura e professores capazes de oferecer um ensino adequado para os alunos, e optar por uma instituição que não seja de qualidade pode resultar em tempo e dinheiro perdidos. Por isso, é necessário avaliar bem a estrutura curricular e física antes de escolher o seu local de formação.

Uma forma segura de fazer isso é verificar se a universidade que você tem em vista é regulamentada pelo Ministério da Educação (MEC). Todas a universidade brasileiras, públicas ou privadas, devem seguir parâmetros estabelecidos pelo MEC para ofertar cursos de ensino superior. Ele é o responsável por autorizar a criação de novos cursos e garantir a sua qualidade.

Se a instituição de ensino não for credenciada pelo MEC, o aluno pode sair prejudicado, pois corre o risco de adquirir um diploma inválido. Por isso, é muito importante verificar se a sua futura universidade segue todas as recomendações.

Além disso, o MEC realiza fiscalizações anuais e atribui notas para as instituições de ensino. Uma universidade bem avaliada costuma ter professores mais bem preparados e melhor estrutura. Neste post, vamos explicar como é realizado esse processo e como você pode tirar proveito disso. Acompanhe!

Como funciona a fiscalização do MEC?

A fiscalização do MEC é feita através do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), responsável por avaliar a instituição, o curso e o desempenho dos alunos.

Estes três componentes são analisados anualmente, levando em consideração critérios mais específicos, como a gestão da instituição, qualificação do corpo docente, instalações físicas, responsabilidade social, qualidade do ensino e outros fatores.

Todas as informações obtidas através das avaliações são reunidas e servem de base para uma análise da qualidade do ensino superior. Além disso, as instituições têm acesso a esses dados, o que as auxilia na hora de implementar melhorias. Assim, cursos espalhados por todo o país tem condições de crescer.

Como é calculada a nota do MEC?

A nota obtida pelas instituições é de responsabilidade do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável por aplicar as três ferramentas que irão medir os indicadores de qualidade das instituições, dos cursos e do desempenho dos alunos. São elas:

Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE):

Através de testes aplicados anualmente, o INEP mede o grau de aprendizado dos alunos que estão iniciando e finalizando o curso superior. Ele é aplicado para cada curso dentro da universidade, e também vale para a instituição como um todo.

A pontuação da prova varia de 0 a 5. Essa avaliação verifica se o desempenho dos estudantes de determinado curso dentro da universidade é satisfatório e atende aos critérios do MEC.

Conceito Preliminar de Curso (CPC): 

Nessa avaliação, são levados em consideração a qualidade do corpo docente, a infraestrutura, os recursos didático-pedagógicos e quaisquer outros fatores que contribuam para a qualidade dos cursos.

As instituições também são pontuadas de 0 a 5. Quanto maior for a nota da instituição, melhor deve ser a qualidade do curso.

Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC): 

Este é o mais importante dos indicadores, já que é o responsável por avaliar a qualidade das instituições de educação superior como um todo. Ou seja, sua determinação irá resultar na avaliação final das universidades.

O IGC é calculado anualmente pelo INEP levando em consideração uma média das três últimas notas obtidas pelas instituições no CPC. Além disso, são avaliados os cursos de pós-graduação e a distribuição dos alunos entre graduação e pós.

Ao final, é dada para cada estabelecimento uma nota que pode variar de 0 a 5. Aquelas que possuem as maiores notas são consideradas as melhores instituições de educação. Já aquelas que obtiveram os piores resultados sofrem penalidades, podendo até mesmo perder o direito de ofertar determinado curso ou perder a credencial do MEC.

É possível verificar no site do INEP qual a nota obtida em cada item citado acima. Dessa forma, você pode comparar o desempenho das instituições em cada avaliação e garantir a melhor escolha para a sua formação profissional.

Vale a pena sempre dar prioridade para universidades que possuem as melhores notas do MEC, já que são as que oferecem melhor estrutura de ensino para seus alunos.

Como utilizar a nota do MEC na hora escolher a faculdade?

Agora que você já conhece como funciona o sistema de avaliação do MEC, deve estar se perguntando como utilizar esta informação de maneira prática na hora de fazer suas escolhas.

A nota do MEC é a maneira mais fácil de comparar a qualidade das instituições de ensino. Se você está em dúvida entre duas universidades, compare as notas obtidas no IGC. No entanto, não deixe de verificar, também, a nota do curso que você escolheu. Às vezes, uma universidade que possui nota global menor, pode oferecer um curso específico muito bom, e o contrário também pode acontecer.

Para verificar a nota do MEC de uma universidade específica, ou das ofertas disponíveis para a sua região, acesse o site do eMEC e faça uma busca interativa. Na opção de busca avançada, é possível pesquisar pelo nome da instituição.

A nota do MEC deve ser considerada como ponto de partida para que você seja assertivo na sua escolha. Por isso, vale sempre a pena acessar o site do INEP e pesquisar sobre as instituições de ensino antes do vestibular.

Além disso, se possível, visite o campus da universidade, conheça a infraestrutura pessoalmente e converse com alunos e ex-alunos do curso pelo qual você se interessa. Eles poderão tirar suas dúvidas quanto a qualidade do corpo docente, matérias ofertadas e oportunidades que você terá durante a sua trajetória acadêmica.

Ficou com alguma dúvida sobre a nota do MEC e seu processo de avaliação ou possui outras dicas para quem está escolhendo a universidade? Compartilhe com a gente deixando o seu comentário!

Sobre UniBH

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *