Quais escolhas podem mudar o direcionamento de sua carreira?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

A enorme vontade de ingressar em uma universidade faz com que muitos estudantes, ao escolherem um curso superior, sequer pensem bem em como será o seu futuro nessa profissão. Fatores como retorno financeiro, facilidade em ingressar no mercado de trabalho ou influência de parentes e amigos faz com que muitos universitários decidam seguir uma carreira com a qual não sonham e acabam se tornando profissionais frustrados.

Para evitar que você seja um deles, o ideal é criar um plano de carreira, antes mesmo de ingressar em uma faculdade. Parece uma decisão muito adulta ou difícil de ser tomada agora? Pois nós garantimos que não.

Com algumas dicas simples, você pode aumentar a probabilidade de ser um profissional bem-sucedido e aproveitar todas as possibilidades oferecidas pela sua graduação. Confira!

Escolha a profissão certa (para você)

Seus pais são profissionais bem-sucedidos na área de atuação. Seu amigo pode te indicar para um excelente emprego após a sua formação. Aquela profissão será uma das mais bem remuneradas dentro de alguns anos. Alguns estudantes se veem cercados desses dilemas na hora de escolher um curso superior — o que não é de todo ruim, desde que a sua escolha não seja baseada apenas nesses fatores.

Pode parecer um clichê, mas os profissionais mais bem-sucedidos são os que gostam do que fazem. Imagine ter que acordar todos os dias, ou tentar superar desafios, por algo que você não acredita? Difícil, não é? Por isso, a principal decisão que mudará a direção da sua carreira é sobre qual a profissão certa para você — não aquela que corresponde às expectativas de outras pessoas.

Para quem já está na universidade, ou atuando no mercado de trabalho, e sente que tomou a decisão errada a tarefa de mudar é complicada, mas não impossível. Uma pesquisa da Pactive Consultoria revela que 32% dos brasileiros pensam em ingressar em uma nova profissão.

O caminho certo está em definir, e se focar, nesse objetivo. Comece respondendo perguntas como: Quais são as minhas motivações para a mudança? Quais os conhecimentos necessários para ingressar nessa nova área? Precisarei de uma reserva financeira? Em quanto tempo poderei concretizar o meu sonho? Em seguida, parta para a ação, afinal, a mudança depende de você.

Trace os prós e os contras da sua escolha

Fez a sua escolha? Chegou a hora de definir os prós e os contras dessa profissão, de acordo com o que é importante para você. Por exemplo, muitos profissionais não se incomodam em abdicar do tempo com a família, do lazer e dos finais de semana para se dedicar ao seu emprego. Já, para outros, é essencial separar a vida profissional da pessoal.

Outra questão importante é a remuneração e a realidade do mercado de trabalho. Se essa é a sua prioridade, precisa entender as perspectivas para a sua profissão nos próximos anos e se você terá chances de crescer nela.

Sua personalidade também é um fator decisivo para a escolha. Você gosta de trabalhar em grupo? Consegue atuar sob pressão? Prefere trabalhar em um escritório ou ao ar livre? Se sente bem em um ambiente formal ou competitivo? Defina os prós e os contras e seja honesto sobre o que se encaixa no seu perfil.

Conheça a experiência de outros profissionais da área

Muitas vezes, é difícil ter uma noção clara do dia a dia em uma profissão, se baseando apenas em sites, blogs e expectativas pessoais. O ideal é conversar com profissionais da área na qual você deseja atuar para desvendar mitos e entender as possibilidades que você terá nela.

Eles poderão trazer uma noção mais clara sobre o mercado, sobre os prós e os contras, e podem se tornar uma excelente rede de contatos para você no futuro.

Adquira a sua própria experiência

Muitos estudantes não conseguem ter uma real dimensão sobre a sua profissão até começarem a atuar nela. Por isso, os estágios são fundamentais para quem está na faculdade. Essa é uma forma de descobrir se você gosta, ou não, de um tipo de trabalho.

Comece pela sua universidade. Muitas oferecem programas de iniciação científica para quem quer seguir na vida acadêmica, parcerias com empresas em busca de estagiários e empresas juniores comandadas pelos próprios estudantes.

A maioria das áreas possui mais de um setor de atuação. O ideal é que você defina em quais você se vê atuando nos próximos anos e comece a adquirir experiência.

Invista em si mesmo

A graduação é o momento ideal para investir em si mesmo. Se você criar uma bagagem ampla de conhecimento, além de se tornar um profissional requisitado pelas empresas, terá mais facilidade em mudar o rumo da sua carreira.

Pense no mundo atualmente. Há dez anos, não tínhamos boa parte da tecnologia, empreendedorismo, avanço científico e conhecimento que temos hoje. Isso se dá pela constante mudança que estamos vivendo. O que exige que os seus profissionais se atualizem em suas profissões.

Defina os cursos, as habilidades e os conhecimentos necessários para alcançar os seus objetivos. Participe de palestras, cursos online e workshops com nomes importantes da sua área. Saber outros idiomas e ter conhecimentos em tecnologia e mídias sócias também é um diferencial importante para o mercado de trabalho.

Defina (ou redefina) um objetivo profissional realista

Para escolher uma carreira ou mudar o direcionamento dela, você precisa definir objetivos profissionais realistas sobre o seu perfil, competências, forma de atuação e dedicação. Por exemplo, será muito difícil que você se torne um diplomata sem saber falar outras línguas ou o líder de uma multinacional se mal consegue se apresentar em público.

Esses empecilhos não querem dizer que você deva desistir do seu sonho. Pelo contrário — eles serão as suas motivações para crescer. Defina bem onde você quer chegar e estime um prazo. Liste a profissão que deseja, o cargo, a faixa salarial, as funções e o ambiente de trabalho almejados.

Traçar essas metas é uma forma de alcançá-las mais facilmente. Veja onde já chegou, a bagagem que já tem, e o que poderá ser feito para atingir os seus objetivos. Mas não se esqueça de fazer uma revisão periodicamente. Com o tempo, suas prioridades, expectativas e até você mesmo podem mudar, e algumas alterações no seu plano de carreira serão essenciais.

Gostou do nosso artigo? Para definir melhor o direcionamento das suas escolhas não deixe de conferir o nosso artigo sobre como traçar um plano de carreira!

Sobre carlos.camara

Esta área é reservada para a biografia do autor e deve ser inserida para cada autor a partir da seção Informações biográficas, no painel administrativo. Caso deseje incluir links para as redes sociais de cada autor do site, recomendamos que instale o plugin WordPress SEO. Após instalado, o plugin criará os respectivos campos para links das principais redes sociais (Facebook, Google Plus e Twitter). Após preenchidos os campos, os links de cada rede aparecerão automaticamente aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *